Impactos sociais e ambientais do “Fast Fashion”

O Fast Fashion é o que impera nos dias atuais. Trata-se da tendência comum no mundo da moda de lançar uma coleção atrás da outra. São roupas rápidas (produção) e fáceis de serem compradas, aquelas peças em seu guarda-roupa compradas por impulso e pelo calor do momento. Isso é o que enriquece as indústrias da moda, mas também é o que mais polui o meio ambiente.

São muitos os impactos sociais e ambientais no mundo “fast fashion” tão comum na nossa contemporaneidade: aumento do consumismo e da compulsão por compras, pois as pessoas se encantam com o preço que está menor que o normal e acabam caindo na “armadilha” de comprar mais do que deveriam ou o que não tem necessidade, causando o acúmulo excessivo de entulhos e gerando lixo em excesso.


Além disso, é nítida a baixa qualidade dos produtos feitos com rapidez e preço reduzido, não sendo duráveis e consequentemente tornando-se lixo com mais velocidade. Isso nos faz pensar na nossa própria responsabilidade como consumidores. Ou seja, do que adianta comprarmos algo por um preço mais baixo, feito em curto tempo, se não vamos aproveitá-los da melhor maneira e não vai ser útil por bastante tempo?


Ainda podemos pensar em outros dados alarmantes:


  • Você sabia que mais de 70 milhões de árvores são cortadas todos os anos para fabricação de roupas?

  • Que 20% da poluição das águas vem do tratamento e tingimento da indústria têxtil? Sendo que a contaminação atinge o mar e consequentemente se espalha pelo globo?

  • Sabia que a indústria da moda é uma grande consumidora de água?


Outra grande questão relacionada ao tema é a escravidão moderna? Já ouviu falar? Não, ela não ocorreu apenas no passado, ela acontece até hoje e muito! São muitas industrias que disponibilizam trabalho de uma forma precária, excessiva e escrava para populações sem condições de escolher o seu próprio ganha pão. Graças à escravidão moderna, vem o trabalho infantil, em que crianças trabalham para ajudar sua família dentro de casa e para ter o que comer.


Com todos esses pontos negativos, será que vale a pena mesmo investir em algo à curto prazo, para não ser útil por muito tempo em sua vida e ainda causar danos ao meio ambiente? Coloque no papel se o que você quer é realmente necessário, ou é um prazer momentâneo.


A mensagem da FIBRAVIT é: não compre por impulso e não compre de marcas que exploram o meio ambiente e os trabalhadores. Pense bem antes de agir por impulso, pois uma compra simples e barata pode trazer muitas consequências ao meio ambiente e à vida das pessoas.

6 visualizações0 comentário